Intercept Brasil · Catarse

O projeto

O Intercept faz jornalismo sem medo. Lutamos por transparência e enfrentamos os poderosos, não importa quem sejam. Nossos repórteres investigam governos, corporações e indivíduos que só defendem os próprios interesses, despreocupados com as necessidades da sociedade.

No Brasil, a democracia, a verdade e os cidadãos estão sob ataque. Enquanto a grande mídia demite jornalistas, evita críticas ao governo e ignora questões importantes para o país, o jornalismo independente pode fazer a diferença. É hora de investigações sérias e intransigentes. E é por isso que o Intercept precisa da sua ajuda para contar ao mundo o que está acontecendo no Brasil.

Este é um chamado para os nossos leitores. Durante a campanha eleitoral realizamos uma cobertura corajosa, ampla e baseada em muita investigação.Mas a luta ainda está longe de terminar.

Nos ajude a contar para o mundo o que está acontecendo no Brasil. Se torne um apoiador recorrente do Intercept e nos ajude a ir mais além.

Intercept foi fundado em 2014, nos EUA, e lançado no Brasil em 2016. Desde então, produzimos histórias de impacto que investigam os principais conflitos nacionais:

███ Expusemos a pressão política dentro do R7, veículo que pertence ao conglomerado do bilionário pastor Edir Macedo, para apoiar a campanha de Jair Bolsonaro e publicar notícias negativas sobre Fernando Haddad. Em retaliação, o R7 e a Rede Record começaram a investigar nossos jornalistas;

███ Publicamos investigações exclusivas sobre as eleições de 2018, enviando nossos repórteres a todos os cantos do Brasil para revelar a corrupção, as contradições e os acordos que moldam o poder no país. Também conduzimos entrevistas exclusivas com alguns dos principais candidatos presidenciais;

███ Nos aprofundamos no assassinato da vereadora Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes – o caso se tornou escândalo internacional. Fomos os primeiros a relatar que as milícias poderiam ter relação com o crime e usamos dados inéditos para expor como estes grupos assumiram o controle do Rio de Janeiro;

███ Destrinchamos as influências por trás das regulamentações sobre pesticidas, contando como megacorporações trabalham para corromper agentes públicos e privados – e colocam veneno nas mãos de trabalhadores agrícolas e nas mesas dos brasileiros;

███ Explicamos como Bolsonaro usou notícias falsas para desviar a atenção de seus próprios escândalos e como grupos de extrema-direita e funcionários públicos organizaram pela internet um verdadeiro ataque ao processo eleitoral;

███ Também cobrimos importantes eventos ao redor do mundo, como a censura escandalosa do Google na Chinadesdobramentos da presidência de Trumprevelações sobre a NSAaspectos globais das mudanças climáticasa violência de gangues em El Salvador, o extremismo de direita na Europa e os campos de prisioneiros na China.

Por conta do nosso trabalho, o Intercept tem sido alvo do Departamento de Justiça dos EUA e de poderosas corporações. Por aqui, a Associação Nacional de Jornais entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal para impedir que o Intercept Brasil e outros meios de comunicação estrangeiros atuem no país. Temos um plano grandioso e continuaremos lutando pelo que é de interesse público, sem medo e sem acordos políticos.

Intercept Brasil cresceu – e nossas ambições também. Agora precisamos da sua ajuda para continuar a produzir a cobertura corajosa, investigativa e ousada que nossos leitores já conhecem.

Nos impressionamos com o tamanho do apoio dos nossos leitores em nossa campanha para financiar a cobertura das eleições – uma das mais bem-sucedidas da história do jornalismo independente brasileiro. O dinheiro arrecadado nos permitiu realizar um trabalho amplo, destemido e criativo. Mas não queremos parar por aí.

Seu apoio recorrente é essencial para que continuemos a fazer investimentos de longo prazo em nossas reportagens. Se torne um apoiador fixo do Intercept Brasil e venha fazer parte de nossa missão! Nós prometemos não te decepcionar.

(For international supporters who prefer to contribute in US Dollars, you may do so by clicking on this link.)

Source: Intercept Brasil · Catarse

Você pode gostar...